sábado, 1 de julho de 2017

LAJE DO MURIAÉ SE DESTACA NA CULTURA FLUMINENSE


Maria Beatriz recebeu a honraria em nome do Centro Cultural Maria Beatriz

O CCMB (Centro Cultural Maria Beatriz), de Laje do Muriaé (RJ), foi agraciado, pela Assembleia Legislativa, com o Diploma Heloneida Studart de Cultura.

A honraria foi destinada, também, a outro lajense ilustre: Silvério Pontes, consagrado trompetista que faz dupla com Zé da Velha, ícone trombonista de choro.

O Conselho Estadual de Política Cultural, órgão integrado pela lajense Maria Beatriz Silva, foi também contemplado com o título.


Maria Beatriz entre o lajense Silvério Pontes e seu parceiro Zé da Velha

O diploma Heloneida Studart foi criado em 2009, em homenagem à escritora e ex-deputada estadual. Desde então, vários artistas e instituições têm recebido a distinção, como reconhecimento pela contribuição para a produção cultural do estado.


As lajenses Venina Freitas e Maria Beatriz

Duda Fíngolo Tostes e Maria Beatriz integram o Conselho Estadual de Cultura
Maria Beatriz entre os cineastas Rocio Salazar e Phillip Johnston
Os cineastas Rocio Salazar e Phillip Johnston entre as lajenses Venina Freitas e Maria Beatriz






6 comentários:

  1. PARABÉNS MARIA BEATRIZ!
    QUE SEUS PROJETOS SEMPRE MELHOREM A CONDIÇÃO CULTURAL DO NOSSO NORTE FLUMINENSE!
    APLAUSOS E ABRAÇOS!

    ResponderExcluir
  2. Maia uma vez parabenizo-a pela sua atuação na Cultura não só da sua cidade, mas do nosso país. Um exemplo a ser seguido por todos nós, brasileiros.

    ResponderExcluir
  3. Venho parabenizar a Escritora Maria Beatriz pelo brilhante trabalho desenvolvido e pela honraria recebida. Abraços.

    ResponderExcluir
  4. Parabéns, Lage de Muriaé, que investe na Cultura! Parabéns, Maria Beatriz que honra o legado da cultura fluminense!

    ResponderExcluir
  5. https://www.facebook.com/celso.c.defreitas/posts/981524718616913?pnref=story

    ResponderExcluir